ASCENSÃO PLANETÁRIA

AMIGO LEITOR!!! Nossa missão aqui é apenas de divulgar a "Ascensão" do Planeta Terra e dos seres que nele habitam. Não temos a menor intenção de impor ou convencê-lo de qualquer assunto aqui tratado. Deixamos claro que não se trata de nenhuma seita ou religião e também não discriminamos ninguém, quer seja por raça, partido, opção sexual ou religiosa. A principal intenção é de informar, ao amigo leitor, sobre temas e assuntos que, em nossa opinião, entendo serem tão importantes e necessários, e que num futuro muito próximo, poderá lhe ser útil. Pedimos apenas que use seu discernimento o máximo que puder, meditando, analisando e, por que não dizer, questionando o que aqui vier a ler…. SEJAM TODOS MUITO BEM VINDOS E FIQUEM NA LUZ !!!


1 comentário

O Amor e a Bondade de DEUS

Não quero aqui induzir ou persuadir o leitor a concordar com o texto publicado abaixo. No entanto, desculpando o trocadilho, o fato é que o Livro de Urantia é um “fato”, e está aqui para ser lido e discernido pelos seres viventes desde planeta. Cada qual que façam suas reflexões e entendimentos a respeito do mesmo, utilizando-o da melhor forma possível.

Sempre que leio o Livro de Urantia, seja um capítulo, uma página ou um pequeno trecho, me sinto muito bem, e apesar de sua complexidade, me parece ser a narrativa que mais se aproxima do que penso e acredito.

Assim, gostaria de compartilhar um trecho do livro que fala do amor e da bondade que DEUS tem pelos seres criados por Ele. Percebam que não há nada de “dízimos”, “trocas”, “sacrifícios”, “castigos” ou “punições” que muitas religiões apregoam por aí.

Boa Leitura…

Gerson

5. O Amor de Deus

 

(38.6) 2:5.1 “Deus é amor” e, consequentemente, a Sua única atitude pessoal para com os assuntos do universo é sempre uma reação de afeto divino. O Pai ama-nos o suficiente para outorgar-nos a Sua vida. “Ele faz o Seu sol se levantar para os maus e para os bons, e Ele envia a chuva aos justos e aos injustos”.

(39.1) 2:5.2 É errado pensar que Deus possa ser persuadido a amar os Seus filhos, por meio de sacrifícios feitos pelos Seus Filhos, ou pela intercessão das Suas criaturas subordinadas, “pois o Pai, Ele próprio, vos ama”. É em resposta a essa afeição paternal que o Pai envia os maravilhosos Ajustadores para residir nas mentes dos homens. O amor de Deus é universal; “todos aqueles que quiserem podem vir”. Ele gostaria “que todos os homens se salvassem pelo conhecimento da verdade”. “Ele não deseja que nenhum homem pereça.”

(39.2) 2:5.3 Os Criadores são os primeiros a tentar salvar o homem dos resultados desastrosos das suas tolas transgressões às leis divinas. O amor de Deus é, por natureza, uma afeição paterna; em consequência, algumas vezes, Ele “nos disciplina, para o nosso próprio bem, para que possamos ser partícipes da Sua santidade”. Mesmo durante as mais duras dentre as vossas provações lembrai-vos de que “em todas as nossas aflições, Ele aflige-se conosco”.

(39.3) 2:5.4 Deus é divinamente bondoso com os pecadores. Quando os rebeldes retornam à retidão, eles são recebidos com misericórdia, “pois o nosso Deus perdoará abundantemente”. “Eu sou Aquele que apaga as vossas transgressões, para o Meu próprio bem, e Eu não me lembrarei dos vossos pecados.” “Atentai para a forma de amor que o Pai nos dedica, a nós, para que fôssemos chamados de filhos de Deus.”

(39.4) 2:5.5 Afinal, a maior evidência da bondade de Deus e a suprema razão para amá-Lo é a dádiva do Pai, que reside em cada um de vós — o Ajustador, que tão pacientemente aguarda a hora em que ireis, ambos, transformar-vos em um, eternamente. Embora não possais encontrar Deus procurando-O, se vos submeterdes ao guiamento do espírito residente, sereis guiados, passo a passo e vida por vida, sem erros, de universo em universo, de idade em idade, até que estejais finalmente em presença da personalidade do Pai Universal no Paraíso.

(39.5) 2:5.6 Quão pouco razoável é que não adoreis a Deus, porque as limitações da natureza humana e os impedimentos da vossa constituição material fazem com que, para vós, seja impossível vê-Lo. Entre vós e Deus há uma distância imensa (de espaço físico) a ser percorrida. Da mesma forma, existe um grande abismo de diferenças espirituais a ser atravessado; mas, apesar de tudo o que vos separa, física e espiritualmente, da presença pessoal de Deus no Paraíso, parai e ponderai sobre o fato solene de que Deus vive dentro de vós, e de que, a Seu modo, Ele já venceu a separação. Ele enviou a Si próprio, o Seu espírito, para viver dentro de vós e para lutar arduamente, do vosso lado, na busca dos objetivos da vossa carreira eterna.

(39.6)2:5.7 Eu acho fácil e agradável adorar a alguém que é tão grande e, ao mesmo tempo, tão afeiçoadamente devotado ao ministério sagrado da elevação das Suas criaturas humildes. Naturalmente eu amo a quem é tão poderoso, para com a criação e o seu controle, e que, além do mais, é tão perfeito na bondade e tão fiel e gentil no Seu amor, que constantemente nos abriga na sua sombra. Eu penso que amaria a Deus da mesma forma, não fosse Ele nem tão grande nem poderoso, desde que fosse tão bom e misericordioso. Todos nós amamos ao Pai, mais por causa da Sua natureza do que pelo reconhecimento dos Seus atributos assombrosos.

(39.7) 2:5.8 Quando eu observo os Filhos Criadores e os seus administradores subordinados lutando tão valentemente com as múltiplas dificuldades do tempo, inerentes à evolução dos universos do espaço, descubro que tenho uma grande e profunda afeição por esses dirigentes menores dos universos. Afinal, penso que todos nós, incluindo os mortais dos reinos, amamos o Pai Universal e todos os outros seres, divinos ou humanos, porque discernimos que essas personalidades nos amam verdadeiramente. A experiência de amar, em muito, é uma resposta direta à experiência de ser amado. Por saber que Deus me ama, eu deveria continuar a amá-Lo supremamente, ainda que Ele fosse despojado de todos os Seus atributos de supremacia, ultimidade e absolutez.

(40.1) 2:5.9 O amor do Pai acompanha-nos, agora e em todo o círculo interminável das idades eternas. Ao ponderardes sobre a natureza amorosa de Deus, apenas uma reação razoável e natural surge na personalidade: amareis cada vez mais o vosso Criador; ireis dedicar a Deus uma afeição análoga àquela dedicada por uma criança a um pai terreno; pois, como um pai, um pai real e verdadeiro ama aos seus filhos, do mesmo modo o Pai Universal ama e para sempre busca o bem-estar dos Seus filhos e filhas criadas.

(40.2) 2:5.10 Mas o amor de Deus é uma afeição paterna inteligente e que sabe prever. O amor divino funciona em associação unificada com a sabedoria divina e todas as outras características infinitas da natureza perfeita do Pai Universal. Deus é amor, mas o amor não é Deus. A maior manifestação do amor divino pelos seres mortais é constatada por meio da dádiva dos Ajustadores do Pensamento, mas a vossa maior revelação do amor do Pai vem da vida de doação do Seu Filho Michael, que viveu auto-outorgado na Terra a vida espiritual ideal. É o Ajustador residente que individualiza o amor de Deus em cada alma humana.

(40.3) 2:5.11 Algumas vezes, chego quase a ficar atormentado ao ser compelido a descrever a afeição divina do Pai celeste pelos Seus filhos do universo, empregando um símbolo verbal humano: amor. Esse termo, ainda que tenha a conotação do mais alto conceito humano das relações mortais de respeito e devoção, com tamanha freqüência, é designativo de relações humanas tão totalmente ignóbeis, que não são merecedoras de serem conhecidas por qualquer palavra que seja também usada para indicar a afeição, sem par, do Deus vivo, pelas criaturas do Seu universo! É uma infelicidade eu não poder fazer uso de algum termo superno e exclusivo que transmita à mente do homem a verdadeira natureza, e a delicada beleza do significado da afeição divina, do Pai do Paraíso.

(40.4) 2:5.12 Quando o homem perde de vista o amor de um Deus pessoal, o Reino de Deus passa a ser meramente o reino do bem. Não obstante a unidade infinita da natureza divina, o amor é a característica dominante de todas as relações pessoais de Deus com as Suas criaturas.

 

6. A Bondade de Deus

 

(40.5) 2:6.1 No universo físico podemos ver a beleza divina, no mundo intelectual é-nos possível discernir a verdade eterna, mas a bondade de Deus é encontrada somente no mundo espiritual da experiência religiosa pessoal. Na sua verdadeira essência, a religião é a fé feita de confiança na bondade de Deus. Para a Filosofia, Deus poderia ser grande e absoluto e, de algum modo, até inteligente e pessoal; mas, para a Religião, é necessário também que Deus seja moral; Ele deve ser bom. O homem poderia temer a um Deus grande, mas ama e confia apenas em um Deus de bondade. Essa bondade é parte da personalidade de Deus, e a Sua plena revelação surge apenas na experiência religiosa pessoal dos filhos que crêem em Deus.

(40.6) 2:6.2 A religião requer que o supramundo da natureza do espírito seja conhecedor das necessidades fundamentais do mundo humano e que seja sensível a elas. A religião evolucionária pode tornar-se ética, mas apenas a religião revelada é moral e espiritual de um modo verdadeiro. O conceito antigo de que Deus é uma Deidade dominada por uma moralidade majestática foi elevado por Jesus até aquele nível afetuoso e tocante da moralidade familiar íntima, própria da relação pai-filho. E, na experiência mortal, não há nenhuma relação mais terna e bela.

(41.1) 2:6.3 A “riqueza da bondade de Deus leva o homem que errou ao arrependimento”. “Toda a boa dádiva e toda a dádiva perfeita vêm do Pai das luzes.” “Deus é bom; Ele é o refúgio eterno das almas dos homens.” “O Senhor Deus é misericordioso e pleno de graças. Ele é paciente e abundante, em bondade e em verdade.” “Provai e vede como o Senhor é bom! Abençoado seja o homem que confia Nele.” “O Senhor é cheio de graça e de compaixão. Ele é o Deus da salvação.” “Ele alivia o coração dos infelizes e cura as feridas da alma. Ele é o Benfeitor Todo-Poderoso do homem”.

(41.2) 2:6.4 O conceito de um Deus rei-juiz, ainda que haja colaborado para desenvolver um padrão elevado de moralidade e criado um povo respeitador das leis enquanto grupo, deixava o indivíduo crente em uma posição triste, de insegurança com relação ao próprio status no tempo e na eternidade. Os profetas hebreus, mais recentes, proclamaram Deus como um Pai para Israel; Jesus revelou Deus como o Pai de cada ser humano. Todo conceito que os mortais fazem de Deus foi transcendentalmente iluminado pela vida de Jesus. O altruísmo é inerente ao amor paternal. Deus ama, não à maneira de um pai, mas como Pai. Ele é o Pai, no Paraíso, de todas as personalidades do universo.

(41.3) 2:6.5 A retidão indica que Deus é a fonte da lei moral do universo. A verdade exibe Deus como um Revelador, como um Mestre. Mas o amor dá afeto e anseia por afeto, procura a comunhão compreensiva, tal como existe entre pai e filho. A retidão pode ser própria do pensamento divino, mas o amor é a atitude de um pai. A suposição errônea de que a retidão de Deus fosse irreconciliável com o amor altruísta do Pai celeste, pressupôs a ausência de unidade na natureza de Deus e levou diretamente à elaboração da doutrina da expiação, que é uma violentação filosófica tanto da unidade, quanto do livre-arbítrio de Deus.

(41.4) 2:6.6 O Pai celeste afetuoso, cujo Espírito reside nos Seus filhos da Terra, não é uma personalidade dividida — uma, a da justiça, e outra, a da misericórdia. E também Ele não requer um mediador para assegurar o seu favorecimento ou o perdão de Pai. A retidão divina não é dominada pela estrita justiça de retribuição; Deus, enquanto um Pai, transcende Deus, enquanto juiz.

(41.5) 2:6.7 Deus nunca é irado, vingativo ou enraivecido. É verdade que a sabedoria, muitas vezes, restringe o Seu amor, assim como a justiça condiciona a Sua misericórdia rejeitada. O Seu amor pela retidão não pode evitar que, com a mesma intensidade, seja manifestado como ódio ao pecado. O Pai não é uma personalidade incoerente; a unidade divina é perfeita. Na Trindade do Paraíso há uma unidade absoluta, a despeito das identidades eternas dos coordenados de Deus.

(41.6) 2:6.8 Deus ama o pecador e odeia o pecado: tal afirmação é verdadeira filosoficamente; contudo, Deus é uma personalidade transcendental, e as pessoas apenas amam e odeiam às outras pessoas. O pecado não é uma pessoa. Deus ama o pecador porque ele é uma realidade de personalidade (potencialmente eterna), enquanto, em relação ao pecado, Deus não assume nenhuma atitude pessoal; pois o pecado não é uma realidade espiritual, não é pessoal; portanto, apenas a justiça de Deus toma conhecimento da existência dele. O amor de Deus salva o pecador; a lei de Deus destrói o pecado. Essa atitude da natureza divina mudaria, aparentemente, se o pecador afinal se identificasse completamente com o pecado, da mesma forma que a mente mortal pode também se identificar totalmente com o espírito Ajustador residente. Um mortal, assim identificado com o pecado, tornar-se-ia então inteiramente não-espiritual, na sua natureza (e, portanto, pessoalmente irreal), e por fim experimentaria a extinção do seu ser. A irrealidade, e mesmo a incompletude da natureza da criatura, não pode existir para sempre, em um universo progressivamente mais real e crescentemente mais espiritual.

(42.1) 2:6.9 Perante o mundo da personalidade, Deus é descoberto como uma pessoa de amor; perante o mundo espiritual, Ele é o amor pessoal; na experiência religiosa, Ele é ambos. O amor identifica o arbítrio volitivo de Deus. A bondade de Deus permanece no cerne do livre-arbítrio divino — a tendência universal para amar manifesta misericórdia, demonstra paciência e ministra o perdão.

 

 

 

Anúncios


2 Comentários

Blossom Goodchild

Blossom: OLÁ! Há tanto tempo que não falamos! Então vamos directo a uma pergunta. O nosso tradutor Croata enviou-me uma foto muito intrigante que ele tirou. Quando ele ‘tirou’ estava apenas a tirar uma foto do movimento do entardecer, numa rua. Para sua surpresa, algo apareceu na foto e pergunto se nos poderiam dizer algo sobre isto? (Ver abaixo)

A Federação da Luz (FoL): Saudações para ti, nossa amiga e companheira de armas. Temos estado sempre contigo, por esta razão a tua Energia … para nós … não pode estar ausente. Sim, realmente, é excelente conversar de novo contigo, desta maneira.

A respeito da fotografia de que falas. Considerariamos ser a ‘parte final’ de uma das ‘nossas naves’. A ordem do dia era camuflar … e, no entanto, devido à estática das condições atmosféricas … essa parte tornou-se mais visível a olho nu..

Blossom: No entanto …Não foi vista quando a foto foi tirada.

FoL: É bastante comum aos elementos que “não se vêem” serem apanhados dessa maneira. Os olhos humanos, por vezes, não têm a capacidade de ‘visualizar’ o que está na frente deles.

O teu pensamento é … ‘Os olhos humanos … ou o terceiro olho?’ … Está correcto?

Blossom: Realmente.

FoL: Diríamos que estão interligados. Pois quando o terceiro olho está aberto … dependendo do grau … então muito pode ser revelado ‘através’ dos olhos humanos.

Blossom: O que é que essa nave estava a fazer aí? Parecia tão próxima.

FoL: Minha querida … não dizemos … que estamos muito próximos? Este avistamento em particular era uma observação mesmo muito …

Blossom: Não conseguimos encontrar a palavra, não é? Está na ponta dos meus dedos e na ponta do meu padrão de pensamento enviado por vós … É divertido! … Vamos tentar outra vez.

FoL: Este avistamento foi uma observação … digamos … uma missão.

Blossom: Vamos então saber! Observar o quê exactamente?

Fol: O protocolo de como as pessoas continuam a fazer o que fazem habitualmente.

Blossom: Como é que isso vos interessa? Parece uma noite comum em qualquer cidade ou capital.

FoL: E, no entanto … somos capazes de observar muita coisa. Como referimos antes … nós ‘sentimos/ agarramos’ a ENERGIA.

Blossom: Sim, compreendo … Mas como é que se transforma numa base de dados … e porquê?

FoL: Porque, para nós é essencial notar o nível de Energia de um dado lugar, no vosso planeta. Tem muita importância.

Blossom: Então. Basicamente, estão a dizer que a Energia da Croacia, por exemplo …poe ser diferente da … digamos, Inglaterra? Realmente, é uma espécie de bom senso.

FoL: Compreendemos a vossa compreensão da Energia em diversos países …que depende muito de como um país é governado e das suas leis, etc. No entanto, não estamos apenas a apanhar a Energia das pessoas que vivem aí … estamos a avaliar o nível dos que vivem profundamente dentro da TERRA.

Blossom: As pessoas dentro da Terra ou a própria ‘Terra’?

FoL: Ambos.

Blossom: Vocês têm mais contacto com os que estão abaixo do solo? Creio que são mais evoluídos e, por essa razão, estariam mais cientes da vossa visita?

FoL: É verdade. E, no entanto … não precisamos de estar muito perto, para estarmos ‘em contacto’ com eles. Muitos que residem … em ESTA ocasião … debaixo do solo, fazem-no temporariamente. Muitas dessas almas são, na verdade … ‘Estão ao Serviço’ … e ajudam em todos os tratalhos que acontecem na profundidade do interior do vosso planeta. Esses ‘trabalhos’ estão envolvidos enormemente em ajudar os que estão em cima a mover-se para os seus lugares de direito. Há muito tempo passado em meditação … a enviar Luz para onde ela é necessária, para diversas parte do vosso planeta. Os surtos de Energia deles … proporcionam muito beneficio na Cura da vossa Mãe Terra.

Blossom: Obrigada. Gostariam de dizer mais alguma coisa sobre a ‘foto’?

FoL: Apenas que é um excelente exemplo da VERDADE.

Realmente. Importam-se … isso pareceu ser muito abrangente … é necessário para uma missão de observação?

FoL: Não. No entanto, vendo como eles estavam a passar dessa forma …

Blossom: Estão a brincar?

FoL: Um pouco. Queridissima amiga … os nossos veículos podem estar onde quiserem num piscar de olhos. Seja qual for o seu tamanho. Este que está a projectar a cauda … está longe de ser grande … em termos dos nossos ‘Portos de viagem’.

Blossom: Estou a ter dificuldade com a palavra ‘portos’.

No entanto, isso recordou-me a outra foto o tradutor me enviou, que, para ser honesta, não dei tanta atenção. Acabo de abri-la agora e vou postá-la também em baixo …

FoL: Estamos satisfeitos que a tenhas colocado aqui. Porque na verdade este segundo ‘registo’ do ‘que é’ pode ser visto nitidamente … se a pessoa observar ‘com interesse’ … porque designariamos como sendo um ‘porto/buraco’!

Blossom: Certo, oh inteligentes, querem significar portal?

FoL: Queremos dizer o que dissemos, com todo o respeito. Deixem-nos explicar. Quando um barco no vosso mundo, navega para terra … é designado como ‘chegar a um porto.’ É a mesmissima coisa para nós. A diferença é que. Para chegar ao nosso destino num ‘piscar de olhos’ … viajamos através de um buraco … para chegar ao próximo porto com que estamos ‘em sintonia’. Por esta razão … porto do buraco!

Essa ‘avenida’ de transferência não permanece nesse lugar particular permanentemente (Sabemos o que te vai no pensamento). É ‘criado’ nessa ocasião … Um ‘buraco’ para a conveniência da ‘totalidade’.

Blossom: Que espantoso! Estamos tão longe da vossa tecnologia.

FoL: Não, na realidade. Está tudo aí. Está a aguardar a ocasião em que seja ‘permitido’ SER/EXISTIR.

Com respeito … dizemos que há muitos no vosso planeta que não são suficientemente ‘maduros’ para usar tal tecnologia. Dizemos isto, no sentido que seria o mesmo que dar a uma criança pequena uma serra. Pode acontecer muito dano … se colocado em mãos erradas!

Blossom: Sim, compreendo.

FoL: Díriamos que… quanto mais iluminado for o Ser .. mais será capaz de ‘sintonizar’ as maravilhas de viajar, etc.

Blossom: Querem significar … que nós conquistamos essa capacidade?

FoL: Poderá parecer incorrecto. Mas num certo sentido, sim!

Todas as coisas que VOCÊS SÃO … Tudo o que CHEGA ATÉ VÓS … depende muito de como VOCÊS ESCOLHEM SER!

É tão simples como isso!

Muitos lamentam-se e gemem que não têm isto … e que não têm aquilo!

ATITUDE! ATITUDE! ATITUDE … PARA COM TUDO O QUE É!

ASSIM é como TODAS AS COISAS chegam até vós … Pela vossa ATITUDE PARA com TUDO.

É tão simples como isso!

Quanto mais DEREM AMOR, mais RECEBEM.

É UMA Lei Universal.

Então … VOCÊS SÃO AMOR …

Embora … seja da vossa conta permitir o vosso SER SENTI-LO. Quanto AMOR vocês ESCOLHEM SENTIR, depende de quanto AMOR escolhem DAR. Isto gira à volta do mesmo círculo.

Queridos … CONHEÇAM O AMOR … em todos os seus aspectos gloriosos. Então, e só então, IREIS CONHECER a vós próprios.

Blossom: Agradeço, novamente. Prosseguindo, enquanto vos tenho aqui. Um amigo meu está muito ‘desapontado’ … como estão tantos … com a informação canalizada trazida por vós e por muitos. Do ponto de vista de ‘flta de continuidade’. Não é necessário entrar em detalhes., pois isto fala por si mesmo. Passo-vos a palavra!

FoL: Depende da perspectiva de cada alma. Há alguns que lêm a informação que SABEM ser VERDADE e estão satisfeitos por continuar a viver a vida nesse CONHECIMENTO … e que, NUMA DADA ALTURA … TUDO o que foi falado … irá acontecer. Há outros que esperam que tudo isso aconteça na inalação seguinte … e não é uma maneira saudável de respirar!

Blossom: Então … por vezes, temos talvez cinco canalizações de uma só enfiada a dizer que O EVENTO chega em breve … e depois ‘Nada … Nada’ durante meses … Andamos na montanha russa para cima e para baixo. Vêm isto de acordo com o nosso ponto de vista?

FoL: Estamos a vê-lo cada vez mais. Mas, de acordo com a nossa posição … não é a mesma coisa. Pois como dissemos antes … Onde estamos ‘não há tempo’. Há, apenas, a Energia de uma situação.

Há mais um crescer de Energia, a respeito deste EVENTO, do que da última vez que falamos dele. Por esta razão, podíamos dizer … está cada vez mais perto … porque está! Não estamos em posição de dizer uma data certa, pois não podemos dizer. Ele depende da Energia que estudamos tão profundamente … alcançar uma certa ‘percentagem’. E então estaremos prontos para A PARTIDA!

Quando vos encorajamos com tais palavras … NÓS/VÓS estamos a ajudar a erguer o nível desta Energia … pois as esperanças e as frequências são elevadas.

Blossom: Mas … isso serve um propósito? Pois a mesma Energia tende a cair, para muitos … quando se instala o desapontamento por nada acontecer …SEMPRE! Então a fé das pessoas em tudo isto, cai por terra!

FoL: Mas não devia!

Blossom: Tentem ser humanos!

FoL: Não é da nossa conta. Não está no nosso ‘contrato’. Recordem, por favor, com todo o respeito … que afirmamos isto mesmo muitas vezes.

VOCÊS ESCOLHERAM ESTAR AQUI!

PEDIRAM PARA ESTAR AQUI! … SABENDO PERFEITAMENTE O QUE ISSO ENGLOBAVA.

ESQUECERAM O QUE ISSO ABRANGIA.

Blossom: Um bom trabalho … de contrário, seria um planeta completamente vazio!

FoL: Por outro lado … no lado mais Luminoso … no lado banhado pelo Sol … vocês não esqueceram como ligar-se com o ‘LAR’. Pensam que esqueceram … e quando o ‘LAR’ PARECE tão longe … dizem que não podem meditar… ou que não são muito bons a fazê-lo … e arranjam toda a espécie de desculpas para não ‘estar lá’.

Tão simples quanto isso. Quando fazem uma viagem para um lugar diferente no vosso mundo … tendes dentro de vós … memórias’ do vosso Lar. Como é o vosso quarto, o vosso jardim, o vosso sofá confortável, etc. Todo o que vos dá Paz e conforto. Tudo o que tendes de fazer é SENTÍ-LOS dentro do vosso coração.

É o mesmo com o vosso VERDADEIRO LAR.

Tudo o que tendes de fazer É SENTIR AMOR ENQUANDO INSPIRAM PROFUNDAMENTE E PENSAR EM NADA MAIS DO QUE NESSA INSPIRAÇÃO.

Então o LAR estará convosco … Estareis em CASA … Poi O LAR/A CASA É ONDE ESTÁ O VOSSO CORAÇÃO.

Isto é uma VERDADE … quando compreenderem isto plenamente . isso fará uma tal diferença en TODA a vossa existência.

AMAMOS TODOS VÓS.

Blossom: E NÓS AMAMOS TODOS VÓS! Obrigada. Foi divertido. Talvez vos possa apanhar mais uma vez antes de voltar a viajar … embora não pareça muito prometedor. Por isso direi, Apanhar-vos-ei, quando vos apanhar novamente!Em amor e agradecimento!

 

AS FOTOS.

 

 

 

Mensagem do fotógrafo:

 

A foto foi tirada no centro de Zagreb, na Croácia, Europa, ao fim da tarde/princípio do anoitecer.com uma tempestade a desenhar-se (muito provavelmente em 14 de Abril – o problema da data exacta é que abri a foto alguns dias depois, quando vi que as nuvens não estavam sozinhas no céu.) A única intervenção foi que apliquei a função ‘contraste’à totalidade da foto). Também tentei voltar ao local, tentando ver se haviam algumas intererferências que formassem qualquer coisa dentro das lentes mas não localizei nada. E claro, não vi mais nada do que núvens, quando disparei.


Website: Blossom Goodchild
Tradução: Maria Luisa de Vasconcellos (luisavasconcellos2012@gmail.com)

 


Deixe um comentário

Índigos e Cristais

Diversas são as fontes que confirmam as realidades de novos comportamentos das crianças que estão nascendo, na Terra, nestes últimos anos. Psicólogos, Médicos, Pedagogos, Terapeutas e outros estudiosos do comportamento humano estão escrevendo livros divulgando as experiências das crianças denominadas “Índigo e Cristal”, além de outras denominações que estão surgindo em caráter de vanguarda na humanidade.

 Neste vídeo, temos uma coletânea de mensagens de Rosana Beni, Noemi Paymal, Irandê Lira, Divaldo Franco, Valdeniza Sire e Ingrid Cañete nos esclarecendo sobre estas crianças. 


Deixe um comentário

Veja este vídeo narrado por Lima Duarte…

“Em um movimento crescente por todo o planeta, contatados cósmicos têm assumido suas experiências espirituais e nos oferecido um acervo de mensagens que estão revelando os propósitos da Confederação Intergaláctica. Seres de Órion, de Andrômeda, de Urano, etc… assim como os seres intraterrenos estão cada vez mais encontrando condições favoráveis para uma interrelação harmoniosa com alguns seres humanos terrestres que estão se dispondo amorosamente a estes contatos.

A natureza dos ‘Transmutados Monádicos’, também chamados de ‘Walk-ins’ ou ‘Entrantes’ também fazem parte dos mistérios que sustentam as experiências espirituais que envolvem os contatos com a Confederação Intergaláctica. Homens famosos como Gandhi, Abraham Lincoln, Lobsang Rampa, Trigueirinho e Drunvalo Melchizedek são alguns destes seres que têm sido reconhecidos como ‘Entrantes’ ou ‘Walk-ins’ que cumpriram ou cumprem missões importantes para a evolução da humanidade como um todo. A vida na Terra, aos poucos, está ganhando um sentido mais Universal para aqueles que estão sintonizados com os novos tempos.”

Mais informações em: http://confederacaointergalactica.blo… ou http://horacionetho.blogspot.com.br

“Confederação Intergaláctica é um nome fantasia que pode e deve ser transcendido. Foi introduzido nos atuais ensinamentos transcendentais para aproximar de uma forma mais eficiente a compreensão dinâmica evolutiva da vida cósmica universal. A maturidade da consciência sábia de diversas almas humanas terrestres já suportam decodificar este recurso linguístico em seus próprios silêncios reveladores.


1 comentário

Divulgação… (Asthar Sheran)

Canalizada por Lit Mah Shialah 

Meus amados irmãos, tenho muito o que dizer-lhes. Falo da Divulgação, sim, a qual todos estão esperando, e pensam que ainda não está ocorrendo. Olhem, observem, vejam, sintam… Vocês podem muito bem expandir suas mentes, não existem limites dos quais ainda tentam convencê-los. Ouçam atentamente o que dizem, sintam a vibração de cada notícia que recebem…

Deixem suas Mentes Sagradas interpretarem as notícias. E vocês sempre verão a verdade escondida por trás das mentiras e das meias verdades expostas.Aos poucos as verdades que lhes foram escondidas estão sendo reveladas, mas de uma forma ainda sutil e simbólica. Por isso, peço que vejam e sintam a essência de tudo que lhes aparece.

Vocês todos têm essa capacidade! Todos vocês são sensíveis… exercitem. Não falo de análise racional… Mas sim com o coração, intuição, pois nunca falha, ao contrário do que dizem. Quem diz isso, é porque tem medo de que a verdade seja descoberta. E suas capacidades mediúnicas, seus talentos, seus dons e poderes estão cada vez maiores, uma vez que a Luz veio para ficar. Vocês já não são mais como eram antes. Vocês sentem isso até em suas fisiologias. Tudo e Todos que na Terra habitam, estão sendo modificados, inclusive geneticamente, pela Luz.Suas vontades alteraram…

Vocês não toleram mais a mentira, as ilusões, os prazeres mundanos, as guerras, brigas, e tantos outros enganos experimentados com a queda, há eons atrás. Vocês estão procurando por algo a mais, muito mais significativo, mas indescritível. Vêem que bens materiais e prazeres não preenchem aquela lacuna que ficou quando se afastaram da Fonte. E agora muitos de vocês estão entendendo isso.

Estão cada dia mais poderosos, mais despertos, cada vez mais perto de suas essências. A ciência não para de evoluir, cada dia dá passos mais largos, encontra novas fontes de energia, cada vez menos poluentes. Até seus cientistas estão ouvindo mais o coração do que a própria razão, uma vez que enxergaram que esta é muito limitada, e estavam andando em círculos. Mas com o coração, vocês entram em contato conosco, e podemos conversar abertamente com vocês, telepaticamente e energeticamente. E é daí que surgem a grandes idéias.

Elas ainda não têm a devido investimento dos governos da Terra, uma vez que eles mesmos são reféns, ainda, das energias antigas e defasadas. Essas pesquisas novas são implementadas, ainda, às escondidas, e patrocinadas por pessoas que ainda não se revelaram, por medo de represálias. Mas ainda assim seus resultados estão sendo divulgados pela mídia, aquele setor que já está cansado de falar mentiras a mando de seus chefes.

É sabido que essas mudanças estão só começando. Mas desde já estão ocorrendo grandes saltos quânticos na Humanidade Terrestre. Claro que muitos ainda estão em dúvida, perdidos em seus próprios pensamentos, ou ainda cegos e conformados com os paradigmas antigos e ultrapassados. Mas isso é só uma questão de tempo, sendo também que não podemos passar por cima da Lei do Livre Arbítrio. Todos têm seu tempo, e as mudanças devem ser espontâneas, do coração, e não compulsórias e traumáticas.

Todos aqui já passaram por isso, sem exceção, tanto nós quanto vocês. E cada um, em seu devido tempo, foi despertando aos poucos, até se tornar Trabalhador da Luz. Por isso dizemos e enfatizamos: a Evolução é calma! E todos Nós, unidos, já conseguimos muito avanços, por mais que não aparente. Muitos mais de vocês estão fazendo contato conosco, mesmo que em alguns casos seja só em sonhos.

Mas isso já é um grande avanço.Estamos muito felizes por Tudo e por Todos! Pois mais e mais Luz surge, o Amor é multiplicado cada vez mais.

Seu irmão, Ashtar Sheran. 

_______________________________________________________________________________________________

Fonte: http://comando-ashtar.blogspot.com.br